53% das magistradas já foram vítima de atitudes discriminatórias no trabalho

Assuntos abordados

Violência psicológica e agressões verbais são as formas de violência mais recorrentes entre as magistradas no ambiente de trabalho, segundo o estudo Dificuldades na carreira de magistrada, realizado pela Escola Nacional de Formação e de Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho (ENAMAT) em 2019.

 

Mais informações sobre esse assunto